terça-feira, 8 de setembro de 2009

DE Praga, República Tcheca PARA Salzburgo, Áustria – Dia 4

Salzburgo (08 a 10 de setembro de 2009)


Dia 4
(08 – terça)

Todas as fotos clique aqui Todas as fotos de Salzburgo, Áustria


Hoje o dia foi puxado, pois acordamos às 5:30h da manhã e embarcamos no trem para Salzburgo às 7:14h; e nosso café da manhã foi improvisado e em pé na estação de trem. Como saímos antes do horário, o hotel nos deu um pacote com o café da manhã. A estação de trem de Praga deixou muito a desejar, com muita sujeira e moradores de rua. Apesar disso, o trem era muito confortável, com cabines de seis lugares; passamos quase a viagem inteira sozinhos. A viagem durou cerca de 7 horas. Dormimos e acordamos várias vezes. As paisagens eram bem diferentes do que eu já tinha visto. Na República Tcheca muitas planícies e campos; na Áustria muitos pinheiros e verde brilhoso. É como se a paisagem da República Tcheca fosse uma pintura bem antiga, com suas cores desvanecidas pelo tempo, e a Áustria um quadro que acabou de ser pintado, com a tinta fresca e cores reluzentes. No trem, durante a viagem, muitos fiscais; nossas passagens foram conferidas duas vezes. Na França não vi nenhum fiscal nos diversos trens com diferentes destinos nos quais circulei.


Salzburgo é uma cidade a oeste da Áustria, conhecida por sua arquitetura barroca, pelas lindas paisagens (está situada entre os Alpes) e por ter sido o local de nascimento do compositor Wolfgang Amadeus Mozart. Em 1816, passou a fazer parte do Império Habsburgo. Aqui foi gravado o filme de grande sucesso “A Noviça Rebelde”. É impressionante como tudo gira em torno desse filme, e claro, de Mozart.


Quando chegamos em Salzburgo, o desembarque não foi tão bom, pois tudo estava escrito em alemão! Pouquíssimas sinalizações em inglês. Que sensação horrível ler e não entender palavra alguma. Essa deve ser a triste sensação de uma pessoa analfabeta. Para encontrar a saída seguimos o fluxo. Nos informamos sobre como chegar no hotel num centro turístico na saída da estação de trem, bem mais agradável que a de Praga. O sol estava escaldante, de cortar a pele. Demoramos a entender o esquema do ônibus. Compramos o bilhete direto com o motorista e custou €2. Os ônibus têm paradas fixas, logo já sabíamos em qual parada descer, a mais próxima do hotel. Chegamos bem rápido na rua do hotel, no entanto este não era bem sinalizado. Esta era uma rua só de hotéis. O Hotel era muito limpo, claro e agradável. Ótima escolha. A sua localização era perfeita; bastava andar um quarteirão para chegar no rio Salzach, que corta a cidade, e cruzá-lo, chegando a quase todos os pontos turísticos na parte barroca e mais antiga da cidade. Por aqui as pessoas andam bem arrumadas, há muitas lojas de rLoja de chocolates Mozartoupas e sapatos. A principal loja de souveniers são chocolates Mozart.  Têm muitas lojas de CDs de música e instrumentos. Mesmo perto dos pontos turísticos, há muitas lojas de grife. As ruas são tranquilíssimas.


Como passamos parte do dia viajando não almoçamos, então, depois que acertamos nossa chegada no hotel saímos esfomeados em busca de comida. Além do idioma, a comida também era alemã, então comemos lingüiças e salsichas com batatas e de sobremesa, strudel de maçã!!

Salsicha e linguiças com batatasSalsicha e linguiças com batatas

Salsicha e linguiças com batatasStrudel de maçã

 

Para aproveitar o fim de tarde e conhecermos um pouco desta linda e pequenina cidade, visitamos os Jardins Mirabell (Mirabell Garten no Schloss Mirabell, palácio construído pelo arcebispo Wolf Dietrich para sua amante judia, Salomé Alt). Nesses jardins foram gLoja de ovos de Natalravados cenas do filme “A noviça rebelde”. Cruzamos o rio, que é muito, muito limpo, e fomos em direção à parte antiga da cidade. Andamos bastante. Passeando pelas ruas, encontramos uma loja só de ovos de Natal. Lindo!


Os restaurantes fecham às 23h. Como não nos preocupamos com isso hoje, só conseguimos tomar um chocolate quente como jantar, num estabelecimento já fechando.


Os ônibus são todos elétricos e o trânsito bastante organizado. Há muitas bicicletas na rua, acho que é o principal meio de transporte (pelo menos nessa época). Mesmo arrumadas e maquiadas, as pessoas usam a bicicleta. Vi muitas mulheres de sapatos altos e até saias pedalando, acho que estavam indo pro trabalho. Outra coisa que observei é que as pessoas carregam suas bolsas e pastas na cestinha. Imagina se aqui no Rio faríamos isso?? Acho que me sentiria insegura até com ela presa em mim eheheh. A noite também tem muita bicicleta na rua.


Foi um ótimo dia!

 

Nosso hotel:

AllYouNeed Hotel Salzburg

Glockengasse 4b

Salzburg, 5020

Valor da diária (casal): €68,00

4 comentários:

  1. Mel... muito bom o seu diário de viagem!
    uma pergunta, você sabe se tem algum jeito de ir de Cesky Krunlov direto para Salzburgo?
    Assim economizamos tempo.
    Encontrei essa empresa mas não sei se é de confiança http://beanshuttle.com/
    Vou com mais duas amigas no final de maio.

    Obrigada
    bjs
    Renata

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Renata,
      que bom que você gostou do Diário!
      Na época eu não pesquisei outra forma de viajar entre Praga e Salzburgo por isso não sei te informar outro jeito, mas esse shuttle é bem interessante! Pelo site, parece bom. O que você pode fazer, é mandar um email pro hotel onde ficará hospedada perguntando se eles conhecem essa empresa ;-)
      Bjs e boa viagem!
      Mel

      Excluir
  2. Adorei seus diários.

    Gostaria de saber mais detalhes sobre a viagem de trem de Praga a Salzburgo.
    Não encontrei venda de bilhetes na internet. Escrevi para a ÖBB e eles responderam que a venda dessa passagem não possível pela internet.
    Além disso só encontrei passagens com trechos combinados com ônibus e trem.
    Parece-me que você direto somente de trem, não é isso?

    Agradeço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Raquel,

      eu comprei o passe EUROPEAN EAST PASS (REPUBLICA TCHECA , ESLOVAQUIA , POLONIA , AUSTRIA E HUNGRIA) - que dava direito a 5 dias de viagem em 1 mês - através da agência CI (www.ci.com.br) e com eles mesmo efetuei a reserva do trem no dia que eu queria (eu não queria correr o risco de tentar viajar e não ter lugar disponível). Além de viajar já com a passagem de trem na mão e reserva efetuada, o pagamento foi facilitado (em 3x), isso ajuda bastante com os custos da viagem.

      Espero ter ajudado!

      Abs,

      Excluir